Democratizando o cultivo do Goji Berry

Democratizando o cultivo do Goji:

 Se a planta do Goji Berry é tão milagrosa e tem tantas propriedades medicinais boas, porque não incentivamos e difundimos o seu cultivo aqui no Brasil? Não devemos deixar este importante conhecimento parado nas mãos de alguns poucos comerciantes “espertinhos” que querem lucrar muito com a sua comercialização. Enquanto em alguns outros países do mundo como, por exemplo, em Portugal e na Romênia, o seu cultivo é difundido e de pleno conhecimento público, aqui no Brasil os comerciantes ambiciosos procuram esconder do grande público a facilidade de cultivar o goji no jardim ou em vasos, no quintal de qualquer casa. Precisamos reaprender a divulgar as coisas boas e parar de divulgar as coisas ruins!

Qualquer um pode ter um pé de Goji Berry em seu quintal, o seu cultivo é simples e já vem sendo feito a mais de 3.000 anos, na China. Mas aqui, no Brasil, estas frutinhas são vendidas por um preço absurdo! Abaixo vemos um vídeo que nos ensina como plantar uma muda de Goji no seu jardim:

http://youtu.be/ep4bkiXQ_WM

 Foi pensando nestas coisas que a Igreja das Energias Benéficas, uma eco-religião criada pela Comunidade Solaris de Ilhéus, resolveu preparar este artigo, que procura ensinar as pessoas a plantar o Goji no quintal das suas casas, visando assim a democratização desta cultura, que pode ajudar muitas pessoas que precisam:

Compre um pacotinho de boas bagas de goji berry numa casa de produtos naturais, ou pela Internet. Dentro das bagas estão as sementes. Os preços variam; somente as sementes, cerca de 50, estão custando uns R$ 15,00. Separe umas 24 bagas para plantar em vasos grandes, cheio de terra, ou numas latas de 20 litros. Coloque as bagas na água mineral por cerca de 8 horas, durante a noite, para plantar na manhã seguinte. Demora cerca de 2 semanas para germinar as sementes.

A terra dos vasos pode ser previamente adubada com esterco de vaca curtido, cerca de uma semana antes do plantio. Regue a terra dos vasos todos os dias, pela manhã, para deixa-la “viva”, e se quiser coloque fertilizante natural. Terra preta é a melhor, mas o Goji gosta de terra adubada, fofa e não muito compacta. Acrescente um pouco de areia na terra para deixa-la mais fofa, viva e pronta para o plantio.

O Goji Berry também pega por meio de estacas de uma planta mais antiga, com cerca de 2 anos. Neste caso de estaquia, ela produz mais rápido.

Por ser uma planta originária do Deserto de Gobi, o Goji não gosta de muita água, mas gosta de Sol. Mas, ela também é produzida em climas frios, com temperaturas nunca inferiores a 15 graus negativos. Já existem muitas fazendas produtoras de Goji na Europa, e algumas pessoas chegam a fazer chá das suas folhas!

Demora cerca de 2 anos para produzir. O Goji gosta de terra adubada com adubo orgânico e fertilizante natural. Uma planta fornece cerca de 2 Kg. de frutas. Ela cresce cerca de 1,8 metros de altura por cerca de 70 cm. de largura.

Para plantar, corte as bagas de Goji no meio, com uma espátula, para aparecer as sementes, e deposite duas bagas em cada vaso de terra. Depois jogue um pouco de terra preparada por cima e borrife um pouquinho de água na terra, conforme podemos ver clicando no vídeo abaixo, que nos ensina a plantar as bagas:

http://youtu.be/WHY3GPYBfKQ

 Plante 2 bagas cortadas de Goji Berry em cada vaso e aguarde umas duas semanas.

Coloque os vasos em um local protegido da chuva e do Sol em excesso. As plantas de Goji não gostam de muita água no solo, porque senão apodrecem! Devemos regar somente quando o solo estiver seco. Antes de germinar, a terra do vaso deve ficar apenas um pouco húmida e não deve pegar Sol diretamente. Deixe os vasos na sombra, mas com boa claridade.

Depois que as mudas germinarem, tire as mudas em excesso, e deixe crescendo apenas umas 6 por vaso. Mais tarde, vai ser preciso deixar crescendo apenas umas 2 mudas por vaso. Algumas vão morrer, mas não se preocupe.

Depois da germinação coloque gradativamente o vaso mais tempo no Sol até esquecer. Regue as plantas em dias alternados, umas 4 vezes por semana, conforme a terra vai ficando seca. Adube novamente depois de um ano com fertilizante natural.  Depois de um ano e meio faça a primeira poda e coloque uma vara no centro do vaso para amarrar e direcionar a sua plantinha, conforme podemos ver no vídeo abaixo que nos ensina a podar e amarrar o arbusto:

http://youtu.be/wMgC2AyOddg

 As flores são da cor violeta e os frutos são inicialmente verdes, depois amarelos e depois vermelhos! As abelhas se encarregam da polinização.

O nome científico do Goji é Lycium Barbarum e ela é originária do Deserto de Gobi, no Tibete. A fruta é rica em nutrientes, ajuda a fortalecer o sistema imunológico, combate os radicais livres e o envelhecimento, por isso é chamada de “fruta da longevidade”. Também tem alguma ação anticancerígena, diminui o estresse e combate a insônia. A fruta é ótima para a saúde pois tem mais de 19 aminoácidos, minerais variados, vitaminas e ácidos graxos essenciais. Veja no vídeo italiano abaixo algumas das suas qualidades benéficas:

http://youtu.be/dmThIVhXov8

 Comece logo a sua plantação de Goji e boa sorte! Qualquer dúvida e querendo receber o livro da nossa eco-religião alternativa, chamado “As Energias Benéficas”, entre em nosso site que está em: http://energiasdobem.spaceblog.com.br

Escreva para o e-mail da Comunidade Solaris solicitando os nossos livros de graça e que é: comunidadesolaris@gmail.com Que as energias do bem os acompanhem e os protejam! Comunidade Solaris A-1, de Ilhéus, na Bahia.

 

 

 

 

Exibições: 9381

Tags: Bahia, Benéficas, Berry, Comunidade, Energias, Gobi, Goji, Ilhéus, Solaris, Tibete, Mais...alimentos, bagas, deserto, ecologia, igreja, mudas, orgânicos, permacultura, plantação

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede PSB para adicionar comentários!

Entrar em Rede PSB

PARCERIAS 2014

 


 

 

Sobre

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos